Fortalezas.org ultrapassa a marca de 2.400 fortificações cadastradas pelo mundo

15/12/2020 15:09

O Banco de Dados Internacional sobre Fortificações (fortalezas.org) chegou neste mês (dezembro de 2020) ao número de 2.424 edificações cadastradas pelo mundo, disponibilizando em um só lugar várias informações sobre patrimônio histórico fortificado mundial para acesso público e gratuito. Nos últimos 12 meses, foram inseridas na plataforma 5.624 imagens de fortificações de diferentes países, totalizando quase 9.000 imagens publicadas. O Banco de Dados Internacional sobre Fortificações é uma ferramenta colaborativa criada em 2001 e mantida pela Coordenadoria das Fortalezas de Ilha de Santa Catarina (CFISC) da Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

(mais…)

Uma construção especial para manter a pólvora segura

13/12/2020 11:34

O Paiol da Pólvora era normalmente construído na parte mais alta da fortaleza. Por quê? Bem, manter a pólvora protegida de ataques inimigos e em condições de uso era fundamental para a efetividade da estratégia de defesa. Por isso, o Paiol da Pólvora está no último terrapleno da Fortaleza de São José da Ponta Grossa. Descubra mais sobre essa construção no oitavo episódio do tour virtual do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

Assista também:

Quando a Ilha de Santa Catarina virou território espanhol (Episódio 7)
Açorianos chegaram na região trazendo sua cultura (Episódio 6)
Guaritas eram essenciais na vigilância das fortalezas (Episódio 5)
Artilheiros evocavam proteção divina para disparar canhões (Episódio 4)
Para que servia a Casa da Palamenta de uma fortaleza? (Episódio 3)
Conheça mais detalhes sobre a Portada, o Calabouço e a Casa da Guarda (Episódio 2)
Por que foram construídas fortalezas na região da Grande Florianópolis? (Episódio 1 e detalhes do projeto)

Quando a Ilha de Santa Catarina virou território espanhol

06/12/2020 11:40

A Ilha de Santa Catarina já foi território espanhol no século XVIII! Os invasores evitaram o triângulo defensivo da Baía Norte e marcharam por terra da Praia de Canasvieiras, onde haviam desembarcado, até a Fortaleza de São José da Ponta Grossa. Descubra mais sobre essa história, além de muitos detalhes sobre a Casa do Comandante, no sétimo episódio do tour virtual do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

Assista também:

Açorianos chegaram na região trazendo sua cultura (Episódio 6)
Guaritas eram essenciais na vigilância das fortalezas (Episódio 5)
Artilheiros evocavam proteção divina para disparar canhões (Episódio 4)
Para que servia a Casa da Palamenta de uma fortaleza? (Episódio 3)
Conheça mais detalhes sobre a Portada, o Calabouço e a Casa da Guarda (Episódio 2)
Por que foram construídas fortalezas na região da Grande Florianópolis? (Episódio 1 e detalhes do projeto)

Açorianos chegaram na região trazendo sua cultura

29/11/2020 10:35

Sabem esse jeito todo especial de falar do pessoal da Grande Florianópolis? Vem de uma história de muito tempo atrás, com a vinda dos açorianos para o Sul do Brasil no século XVIII. Eles também trouxeram muita cultura, como a tradição da renda de bilro. E o que as fortalezas têm a ver com tudo isso? Descubra no sexto episódio do tour virtual do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

Assista também:

Guaritas eram essenciais na vigilância das fortalezas (Episódio 5)
Artilheiros evocavam proteção divina para disparar canhões (Episódio 4)
Para que servia a Casa da Palamenta de uma fortaleza? (Episódio 3)
Conheça mais detalhes sobre a Portada, o Calabouço e a Casa da Guarda (Episódio 2)
Por que foram construídas fortalezas na região da Grande Florianópolis? (Episódio 1 e detalhes do projeto)

Guaritas eram essenciais na vigilância das fortalezas

22/11/2020 11:45

As seteiras são aberturas nas guaritas para que os soldados pudessem vigiar os arredores das fortalezas. Saiba mais sobre as guaritas e o Quartel da Tropa da Fortaleza de São José da Ponta Grossa no quinto episódio do tour virtual do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

Assista também:

Artilheiros evocavam proteção divina para disparar canhões (Episódio 4)
Para que servia a Casa da Palamenta de uma fortaleza? (Episódio 3)
Conheça mais detalhes sobre a Portada, o Calabouço e a Casa da Guarda (Episódio 2)
Por que foram construídas fortalezas na região da Grande Florianópolis? (Episódio 1 e detalhes do projeto)

Nota de falecimento

19/11/2020 10:30

A Coordenadoria das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina (CFISC) informa, com pesar, o falecimento nesta quarta-feira (18/11/2020) de Sandro Manoel Cavalheiro, 42 anos, funcionário terceirizado que trabalhava na Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim. O corpo foi sepultado, ainda na quarta-feira, no Cemitério da Armação da Piedade, em Governador Celso Ramos.

Artilheiros evocavam proteção divina para disparar canhões

15/11/2020 10:38

De seis a oito artilheiros treinados eram necessários para disparar um canhão das fortalezas no século XVIII, conforme explica o quarto episódio do tour virtual criado pelos alunos do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC). Era comum que os artilheiros evocassem a proteção de Santa Bárbara antes de colocar fogo à pólvora.

Para assistir aos episódios anteriores, clique aqui.

Para saber mais sobre o projeto, clique aqui.

Para que servia a Casa da Palamenta de uma fortaleza?

08/11/2020 10:31

Muitos apetrechos usados no disparo de canhões eram guardados na Casa da Palamenta, que na Fortaleza de São José da Ponta Grossa ficava no primeiro terrapleno. Essa história é melhor contada no terceiro episódio do tour virtual criado pelos alunos do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

Para assistir ao segundo episódio, clique aqui.

Para assistir ao primeiro episódio, clique aqui.

Para saber mais sobre o projeto, clique aqui.

Assista ao segundo episódio do tour virtual pela Fortaleza de São José da Ponta Grossa

01/11/2020 10:35

Conheça mais detalhes sobre a Portada, o Calabouço e a Casa da Guarda da Fortaleza de São José da Ponta Grossa no segundo episódio do tour virtual criado pelos alunos do Curso Técnico em Guia de Turismo do Campus Florianópolis-Continente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

Para assistir ao primeiro episódio, clique aqui.

Para saber mais sobre o projeto, clique aqui.